Ouça também em Apple Podcasts, Breaker, Castbox, Google Podcasts, Pocket Cast, RadioPublic ou Spotify.

Para fazer o download do episódio, clique aqui.

O tema do nosso nono episódio é o novo Plano Diretor de Belo Horizonte, projeto discutido na Câmara Municipal desde 2015 e aprovado no início deste mês.

Para conversarmos sobre as suas mudanças e debater seus pontos polêmicos, recebemos Gabriel Azevedo, vereador eleito em 2016, formado em Direito e mestre em Direito Constitucional. É também diretor de Relações Internacionais na Jusbrasil e diretor de formação política e professor do RenovaBR. Foi subsecretário da juventude do governo de Minas Gerais na gestão de Antonio Anastasia.

 

Links do episódio:

Plano Diretor existe para planejar a cidade e não para arrecadar

ONU-HABITAT lança versão em português da Nova Agenda Urbana

Equalização e potencialização do uso do solo urbano

Série de vídeos Plano Diretor

A prática da obstrução e o diálogo com articulação no Plano Diretor

Novo Plano Diretor de Belo Horizonte: mais um passo para o fracasso

“The spatial organization of cities: Deliberate outcome or unforeseen consequence?”, por Alain Bertaud

Por em

Ouça também em Apple Podcasts, Breaker, Castbox, Google Podcasts, Pocket Cast, RadioPublic ou Spotify.

Para fazer o download do episódio, clique aqui.

Nascido no Rio de Janeiro, Rogerio é mestre e doutor pela Faculdade de Arquitetura da UFRJ, onde também foi professor. Junto com Davi Cardeman, escreveu o livro “O Rio de Janeiro nas alturas” e também é autor de “Por dentro de Copacabana: descobrindo os espaços livros do bairro”. Em 2007, trabalhou na cidade de Hong Kong como arquiteto sênior no escritório inglês Benoy, desenvolvendo edifícios corporativos, de uso misto e shopping-centers. É professor da Universidade Veiga de Almeida e sócio-fundador da DC Arquitetura.

Neste episódio discutimos sobre o desenvolvimento da cidade do Rio de Janeiro a partir das mudanças em sua legislação, os espaços livres e coletivos interquadras de Copacabana, a obrigatoriedade de vagas de garagem e áreas de recreação infantil e o impacto dessas regras para a cidade, além de conversar sobre sua experiência trabalhando na China.

 

Links do episódio:

Livro O Rio de Janeiro nas alturas

As Áreas Coletivas de Copacabana: Formação e Apropriação

Artigo O Rio de Janeiro nas alturas: a verticalização da cidade

A incrível verticalização de Copacabana

Áreas de recreação nas edificações: tirando as pessoas das ruas

• Urbanização na China Hong Kong, parte 1 e parte 2

Por em

Ouça também em Apple Podcasts, Breaker, Castbox, Google Podcasts, Pocket Cast, RadioPublic, SoundCloud ou Spotify.

Para fazer o download do episódio, clique aqui.

Águeda Muniz é especialista em Finanças e Gestão Pública; é Mestre e Doutora em Arquitetura e Urbanismo com trabalhos na área de Urbanização e Políticas Públicas. Se dedicou à elaboração e coordenação de planos diretores municipais, planos de desenvolvimento regional e planos de governo.

Neste episódio conversamos sobre a sua experiência à frente da Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente de Fortaleza (SEUMA), órgão que tem por missão planejar e controlar o ambiente natural e o ambiente construído da capital cearense. Dentre diversos temas, falamos sobre os pontos principais da nova Lei de Uso e Ocupação do Solo, a implementação das Zonas Especiais de Dinamização Urbanística e Socioeconômica, a revisão do Plano Diretor e as Operações Urbanas Consorciadas.

 

Links do episódio:

Lei de Uso e Ocupação do Solo de Fortaleza.

“O caos planejado e a cidade onde merecemos viver”, coluna da Tribuna do Ceará.

Fortaleza é a primeira cidade brasileira a emitir alvará de construção em até 30 minutos.

As Zedus e a Fortaleza de oportunidades.

LUOS não apresenta soluções para os maiores desafios da cidade de Fortaleza, aponta MPCE.

Entrevista Águeda Muniz para Revista da Fiec.

Por em